Impressão 3D - Softwares necessários

De Área31 Hackerspace

Softwares

O objetivo do Área 31 é divulgar os códigos fonte e os procedimentos de instalação de todos os softwares necessários em sistemas operacionais Linux, visto que a filosofia de liberdade em tal sistema é compatível com a idéia Opensource das impressoras 3D utilizadas no hackerspace.

Se você tiver uma impressora 3D, você precisa alimentá-la com dados. O fluxo de trabalho basicamente obedece aos seguintes passos:

1- Criar um modelo 3D e exportá-lo em formato STL ou obtê-lo a partir da internet.

2- Organizar um ou mais modelos em uma placa de impressão virtual.

3- Corte os modelos 3D em fatias finas, e calcule um caminho para a cabeça de impressão. Isto é feito por um programa de corte,
o qual converte o modelo em gcode, o idioma que a impressora 3D fala.

4- Confira o g-code criado para correção de erros e impressão em si.

5- Envie o g-code para a impressora ou copie o gcode para um cartão SD, o que você pode inserir em sua impressora 3D.

6- Monitore sua impressora.

Repetier Host

O Repetier Host é um software básico de Host, que é compatível com a maioria dos firmwares utilizados mundialmente. Você pode adicionar e posicionar seus arquivos *.STL no printbed simulado e cortá-los todos juntos. Para cortar você pode usar o Slic3r (fatiador já incluso - built-in) ou usar o Skeinforge, também muito conhecido na comunidade RepRap. Basta ligar para "Slice & Load" e o trabalho é delegado ao fatiador atual, mostrando sua saída na janela de log. No editor de G-Code você pode mudar ou analisar seu código. Para ajudá-lo a uma breve descrição do código atual é mostrada abaixo do editor.

http://www.repetier.com
http://reprap.org/wiki/Repetier-Host


Pronterface (Printrun)

Software similar ao Repetier Host, porém bem mais leve e estável.

http://3dborg.com/3dprinter/software/host/pronterface
http://reprap.org/wiki/Printrun


Slic3r

Slic3r é a ferramenta que você precisa para converter um modelo 3D digital em instruções de impressão para a impressora 3D. Na prática corta-se o modelo 3D em fatias horizontais (camadas 2D), obtendo assim as coordenadas a serem preenchidas com polímeros e calcula-se a quantidade de material a ser extrudido.

O projeto foi iniciado em 2011 do zero (from scratch): o código e os algoritmos não são baseados em qualquer outro trabalho anterior. Legibilidade e manutenção do código estão entre os objetivos do projeto.

http://slic3r.org/about


CURA

Software similar ao Slic3r:

http://software.ultimaker.com